Feugiat nulla facilisis at vero eros et curt accumsan et iusto odio dignissim qui blandit praesent luptatum zzril.
+ (123) 1800-453-1546
info@example.com

Related Posts

Orleans 3466-1638
9 9920-9495
Lauro Müller 3464-4026
9 9661-4011
Resultados Online
Title Image

Blog

FATOR V DE LEIDEN E MUTAÇÃO DA PROTROMBINA

Material: Sangue.

Preparação do Paciente: Jejum não necessário.

Indicação: O fenótipo de resistência à ação da proteína C ativa (PCa) está associada aos perfis genéticos heterozigoto e homozigoto para a mutação pontual G1691A do gene do fator V (Fator V de Leiden). Indivíduos portadores dessa mutação apresentam um risco 7 vezes maior de desenvolver um trombo do que os indivíduos não portadores. A mutação G20210A no gene da protrombina é responsável pelo aumento da concentração plasmática de protrombina, ocasionando um aumento no risco de trombose venosa, devido o aumento na formação de coágulos.